PROJETO JOEL

" toda vez que mãos humanas misturam sonho, criatividade, amor, coragem e justiça elas conseguem  realizar a tarefa divina de construir um novo mundo e uma nova humanidade”    
           
“O amor ao próximo é a melhor terapia, baseada em motivação, ética ou espiritual


                                                                  
1. INTRODUÇÃO

            O projeto Joel tem com finalidade ser presença cristã, colaborando espiritualmente e materialmente com os doentes portadores de CA  (câncer)e seus familiares. Com esse propósito os voluntários do projeto tem o objetivo de exercitar o seu amor e sair de si para os outros, considerando a realidade do abandono dos pacientes portadores de câncer e na busca de incrementar a pedagogia cristã, contribuindo assim para o fortalecimento espiritual e a melhoria da qualidade de vida dos pacientes e seus familiares.

            O objetivo do projeto é resgatar a dignidade do portador de CA (câncer), prioritariamente os mais carentes da nossa sociedade, contribuindo assim, com seu bem estar físico e emocional, bem como auxiliar os familiares na maioria das vezes desorientados e sem assistência social.

            Quem nunca realizou um trabalho solidário, talvez não saiba a felicidade que este gesto provoca ao escutar as pessoas beneficiadas e a riqueza humanitário que  ele promove no ambiente social.

PORQUE JOEL   →  portador de CA (câncer) no mediastino, falecido no Offir Loyola, no dia 13 de Dezembro de 2001. O Joel, como tantos brasileiros saiu do Maranhão fugindo da fome e da miséria. Após três anos trabalhando em Macapá  em março de 2001 começa e sentir  os primeiros sintomas da enfermidade. Começa sozinho a buscar ajuda nos postos de saúde público. Em agosto , após um exame , descobre a doença.  A senhora Marli Barros procura a igreja pede ajuda.  Padre Paulo sensibilizado pela situação do jovem, assume o Joel e passa a acompanhá-lo e após dois meses lutando contra a burocracia, consegue mandar o Jovem para Belém no dia 16 de outubro.  Joel fica esperando ser atendido no hotel mantido pelo governo do Estado até o dia 13 de dezembro, quando, consegue fazer uma biópsia, e infelizmente , vem a falecer no mesmo dia.O projeto leva o seu nome, pela  história de vida ,e a forma como o ele, foi exemplo de superação e amor a vida.

 

QUEM FOI JOEL  →  filho de Antonio Rodrigues Magalhães e Maria de Lourdes da Costa Magalhães, nascido no dia 16 de junho de 1981 no Maranhão. Nascido numa família extremamente pobre e numerosa, não teve a oportunidade de estudar e com nove anos saiu do Maranhão e foi para Capanema – PA ,em busca de emprego. Em Capanema  morava na rua e foi engraxate. Após um ano sendo morador de rua, a pedido de um  tio foi para São Luis-(  Ma ) trabalhar numa pastelaria de  sua propriedade.  Ali também era explorado quando um outro tio que morava em Macapá ,o chamou para vir tentar a vida aqui. Em Macapá  após um longo calvário sem casa, família e dinheiro, consegue  emprego de carregador de cimento.  Talvez a causa da sua enfermidade. Após um ano conseguiu um emprego melhor e resolveu alugar um quarto pois se sentia humilhado pelo tio que lhe deu guarida. Nesse novo emprego ficou três anos quando descobriu a doença. Desesperado não quis voltar para o Maranhão, pois segundo ele,  trazia profundas recordações de tristeza e dor, sendo assim  pediu ao Padre Paulo que o ajudasse e que não o deixasse levá-lo para o Maranhão, vivo ou  morto. Após nove meses de luta contra o câncer, a burocracia e a indiferença social, mas cercado de amor e respeito pelos amigos que passaram a ser sua nova família, vem a falecer no dia 13 de Dezembro de 2001. E a seu pedido esta sepultado em Macapá, lugar que ele amou e foi amado por todos nós que aprendemos a ver naquele menino fraco e indefeso o rosto de todos os brasileiros abandonados pelo poder público. Nossos irmãos.

 

OBJETIVO GERAL: prestar assistência espiritual aos portadores de CA (câncer), aja visto que cresce assustadoramente no nosso estado os mais diversos tipos de CA  (câncer) e o estado não acompanha com equidade social, humanidade e justiça o cidadão e a cidadã acometido de tal infortúnio.

 

OBJETIVO ESPECIFICOS: Atender portadores de CA, com acompanhamento psicológico e material. Prioritariamente os mais carentes.

  1. O voluntário não deve desistir de participar das ações do grupo.
  2. O voluntário não deve esquecer da contribuição financeira.
  3. O voluntário poderá apresentar novos membros desde que aceitem as normas dos Instituto.

 

MATERIAS E MÉTODOS.
Materiais: alimentos, remédios, transportes, outros.
Métodos: triagem a fim de identificar as reais necessidades do paciente e sua família.

PERFIL DO VOLUNTÁRIO

  1. Ter boa vontade  e desejo de servir
  2. Consciência humanitária e cidadã
  3. Criatividade e disponibilidade
  4. Capacitação profissional
  5. Alguém que já perdeu um parente ou amigo vitimado por um Câncer

 

PERFIL DO INSTITUTO JOEL

  1. Sem fins lucrativos
  2. Sem fins políticos
  3. Não pode firmar convênios federal, estadual ou municipal
  4. Não pode ter funcionários a disposição do estado e do município

 

RESULTADOS ESPERADOS

  1. A melhoria de vida do paciente e de sua família
  2. Melhorar a realidade estimulando o voluntariado e a valorização humana
  3. Trabalhar a prevenção 

 

 

VEJA PDF COM HISTÓRIA COMPLETA

 


Compartilhe:

 


<< Voltar

 

Newslatter
Cadastre-se e receba informações
de promoções.

Nome:

E-mail:

Cadastrar Descadastrar

 

 

 

 


Ijoma © 2013 -Todos os Direitos Reservados

Fale Conosco  |  Contribua com a Instituição  |  Conheça nosso trabalho  |  Estatuto  |  Fotos